Menu Fechar

Rua da Reboleira

Esta rubrica dá a conhecer a toponímia portuense, através de interessantes artigos publicados em “O Primeiro de Janeiro”, na década de setenta do século passado. Assina…

Cunha e Freitas (*)

“Reboleira é a parte mais densa de um bosque ou seara, ou o lodo que se acumula no fundo da caixa onde gira o rebolo, isto é a pequena mó que gira em torno de um eixo, para amolar objectos cortantes.

Não sabemos se é esta a origem do nome da velha Rua da Reboleira, ou se acaso se filia em «rebolo», de castanheiro bravo ou ainda no português arcaico molho de lenha, ou pedra rolante.

Seja como for, o topónimo dever ser bastante antigo, pelo menos datando dos séculos XIII-XIV, quando se começou a urbanizar para poente do Rio da Vila. Encontramo-lo mencionado em aprazamentos de 1424, 1437 e 1476.´

E num outro do Hospital de Santa Clara, em 1485, referem-se «casas no caso da Rua de S. Nicolau», que confrontavam com esta e com as da Reboleira e da Ourivesaria.

Uma escritura do Cabido menciona outras casas «que partiam do poente com torres de Pero do Sem, do sul com o muro e do norte com a Rua da Prata, citada por Pereira de Novais, no século XVII.

Na instituição da capela de Tareja Vasques, viúva de Drogo Gil Doutiz, em S. Domingos, ano de 1424, diz-se que ela cedeu aos frades o foro de uma das casas «a par da Praça do Cais desta cidade e Rua da Reboleira», casas que em 1571 «faziam canto na dita Praça do Cais, onde se vendia trigo, da banda do Douro, indo para a Ourivesaria».

Algumas casas que ali havia, ainda há cerca de um século, outras de que hoje restam vestígios, atestam também a sua antiguidade. É bem conhecida a gravura de madeira de Manuel de Macedo, representando um trecho da rua, com as suas típicas moradas e costumes populares.

A Rua da Reboleira foi em parte mutilada quando, em 1869-1871, se começou a rasgar a Rua Nova da Alfândega. Cortaram-lhe um troço que ia até junto da muralha fernandina”.

(*) Artigo publicado em “O Primeiro de Janeiro”, na rubrica “Toponímia Portuense”, de 13-10-1972.

Na próxima edição de “RUAS” DO PORTO destaque para a RUA DA REGENERAÇÃO

Foto: pesquisa Google

01fev19

 

 

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.