Menu Fechar

Negligência e falta de respeito!

Na edição de novembro de 2018 deste jornal, abordamos um assunto relacionado com os “pinos da Buraca” (Amadora), os quais se encontravam dentro das marcações de estacionamento. Acontece, agora, que na mesma  rua, há mais uma grande baralhada por parte da Junta de Freguesia das Aguas Livres e da Câmara Municipal da Amadora.

Se por um lado os pinos “ de pedra” limitam o estacionamento, na mesma rua existem duas escadarias com dois estacionamentos,  que não deveriam servir para esse fim.

O local é de passagem pedonal, mas as viaturas lá estacionadas originam problemas relativos à mobilidade, arriscando-se, as pessoas, e sem querer, a riscar – com sacos de compras, ou coisas do género – as viaturas ali (mal) estacionadas.

Voltando a falar dos “pinos”, aqui sim, é que eles deveriam existir para impedir o estacionamento de viaturas em certos locais, de modo a facilitar a passagem de peões. No fundo, somos todos peões e condutores. Por isso, fica aqui mais uma chamada de atenção para a Junta de Freguesia das Águas Livres – Barraca – Amadora.

Vítor Lagarto (*)

(texto e fotos)

(*) Correspondente “Etc e Tal jornal” em Lisboa

01mai19

Partilhe:

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.