Menu Fechar

Este País não é para ranhosos!

Miguel Correia

É comum ouvir dizer que os Tugas passam a vida em lamúrias e autocomiseração: nada serve e tudo está mal. Sou obrigado a concordar, até porque, qualifico-me como habitante de Terras Tugas e contribuo ativamente, através da minha escrita, para este estado de alma. E se recorro à ironia e humor, é por saber que temos a capacidade de melhorar, mas por alguma razão, vamos deixando estar. Sou um indivíduo assolado pela dor de pertencer a uma Pátria que, acima de tudo, não se dá ao respeito. Ninguém escapa ileso, nem mesmo as forças de autoridade…

Caro leitor, se faz parte do rol de condutores que circula nas estradas do Porto deve ler esta crónica e ficar a saber que é proibido assoar o nariz enquanto conduz. Caso queira arriscar – o que não aconselho – pode originar multa! Manuel Melo circulava na VCI (Via Cintura Interna) quando se apercebeu da presença do carro patrulha. Enquanto aguardava espaço para mudar de faixa aproveitou para dar uma assoadela no nariz, fruto da constipação que o massacrava. Um pouco mais à frente recebeu sinal de paragem, em plena via.

Na altura pensou ser engano e ficou atónito quando foi informado que iria ser multado (60,00 euros) por estar a assoar o nariz. Ainda pensou ser brincadeira, mas deixou de pensar nisso quando viu o polícia preencher a notificação sem dó nem piedade. O agente da autoridade considerou que conduzir com a mão esquerda no volante e segurar, com a mão direita, um maço de lenços de papel, é uma ameaça séria à segurança dos outros condutores. Sempre com elevação, explicou-lhe que deve ter sempre as duas mãos no volante. A viatura tem caixa manual? Paciência! Vai sempre em primeira velocidade…

Pagou a multa e foi aconselhado a recorrer aos tribunais para contestar. Contudo, e tendo em conta que o código é para cumprir, ainda arrisca a que voltem à viatura para procurar vestígios de macacos perdidos no habitáculo. Quando o leitor conseguir parar de rir – e tendo presente que se aproxima a época dos resfriados – considere-se avisado! Porque, sinceramente, este país não é para ranhosos!

Foto: pesquisa Google

01out19

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.