Menu Fechar

INSTITUTO CULTURAL D. ANTÓNIO FERREIRA GOMES (ICAFG) HOMENAGEOU HÉLDER PACHECO

O cronista, investigador da História do Porto e professor Hélder Pacheco foi alvo de uma homenagem por iniciativa do Instituto Cultural D. António Ferreira Gomes (ICAFG), que assim assinalou a abertura do seu ano letivo e congregou a cidade em torno de uma das suas figuras icónicas.

A obra de Hélder Pacheco – onde se incluem mais de quatro dezenas de livros e inúmeras crónicas nos jornais da cidade – foi recordada ao cair da noite de quinta-feira, no Auditório do Centro Paroquial de Cristo-Rei, durante uma sessão presidida por D. António Taipa, Bispo Auxiliar Emérito da Diocese do Porto, e em que foram oradores o presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, Maria de Fátima Martins, do ICAFG, que foi aluna de Hélder Pacheco, e o locutor e apresentador Álvaro Costa.

Professor do ICAFG desde a sua fundação, em 1997, Hélder Pacheco continua, aos 82 anos, a interessar-se pela vida da cidade e pelo que está para vir – “A cidade do Porto atravessa o período de maior transformação que eu conheci”, como disse, há cerca de um ano, em entrevista à TSF  – mantendo-se uma referência na História do Porto.

Aliás, esta homenagem do ICAFG que a cidade toma como sua deve-se, não só à dedicação que Hélder Pacheco tem mostrado ao instituto desde a fundação, mas também à “importância quantitativa e qualitativa da sua obra sobre a História e Etnologia do Porto”.

Texto: Porto. / EeTj

Fotos: Filipa Brito (Porto.)

01nov19

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.