Menu Fechar

STCP ALTERA REDE DA MADRUGADA

Abrangência de mais zonas e disponibilização de percursos mais rápidos e diretos são as novidades que a STCP introduziu na Rede da Madrugada desde o passado dia 11 de dezembro, visando melhorar uma rede que transportou já mais de sete milhões de passageiros desde a sua criação, há 14 anos.

As alterações incidem em quatro linhas – 5M, 10M, 11M e 13M – “indo ao encontro das necessidades dos passageiros”, aponta a maior operadora de transportes públicos da Área Metropolitana do Porto, que tem transportado só nea Rede da Madrugada cerca de 560 mil pessoas/ano.

Linha 5M (Av. Aliados-Ermesinde [Estação])

Alterado o sentido de volta aos Aliados/Porto com novo trajeto entre Ermesinde e Alto da Maia pelo percurso da Linha 701. O término em Ermesinde funciona numa lógica circular, após o Alto da Maia, assumindo esta linha cinco novas paragens, mas garantindo que o cliente mantém o mesmo tarifário. Com esta alteração consegue-se uma melhor cobertura territorial na zona de Ermesinde, adotando uma medida já implementada com sucesso nas Linhas 3M e 7M.

Linha 10M (Av. Aliados-Vila D’Este)

Troca de percurso entre Aliados e Centro de Gaia com a Linha 11M, passando esta a efetuar percurso pela Ponte do Infante em vez do anterior percurso pelo tabuleiro inferior da Ponte Luiz I. Com esta alteração, a Linha 10M garante uma ligação rápida entre Vila D’Este e os Aliados, via Avenida da República em V.N. Gaia (substitui o Metro nas horas de madrugada), com um pequeno desvio ao Largo dos Aviadores e ao Largo de Soares dos Reis, face ao interesse também da procura neste local.

Linha 11M (Hosp. S. João-Coimbrões)

Esta linha verifica três ajustamentos de percurso:

– troca de percurso entre Aliados e Centro de Gaia com a Linha 10M, passando a efetuar percurso pelo tabuleiro inferior da Ponte Luiz I em vez do anterior percurso pela Ponte do Infante;

– implementação de percurso mais direto na R. do Barão do Corvo, na ligação à Estação das Devesas;

– alteração no Polo Universitário, assumindo percurso circular após a Igreja de Paranhos, via Rua de S. Tomé, fazendo ligação pelo ISEP e IPO até ao término no Hospital São João.

Com esta alteração, a STCP pretende um melhor cumprimento do horário e oferecer uma melhor cobertura territorial na zona do Polo Universitário, “adotando uma medida já implementada com sucesso nas Linhas 3M e 7M, e ainda uma nova ligação entre este Polo e a Ribeira.

Linha 13M (Av. Aliados-Matosinhos [Mercado])

Esta linha sofreu duas alterações de percurso:

– alteração no sentido Matosinhos, após a Fonte Luminosa, passando a assumir percurso pela Av. da República, Av. de Serpa Pinto e Av. do Eng.º Duarte Pacheco, até ao término no Mercado de Matosinhos. O percurso de regresso para o Porto mantem-se o atual;

– alteração na zona de Ramalde, em ambos os sentidos, passando a seguir no sentido Matosinhos diretamente após a R. de Manuel Pinto de Azevedo para a R. da Igreja de Ramalde e depois Av. de Vasco da Gama e restante percurso. No sentido de volta aos Aliados/Porto, altera também o percurso, passando a seguir diretamente da Igreja de Ramalde para a Rotunda do Bessa, via AEP.

Texto: Porto. / EeTj

Foto: Filipa Brito (Porto.)

01jan20

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.