Menu Fechar

Sardinha sem brasas

Estava no supermercado, na fila à espera de ser atendida e duas clientes na minha frente lamentavam o fato deste ano não ter havido S. João, pois adoravam o cheiro a sardinha assada e o inconveniente era o fato de ser um peixe muito gordo.

Estas duas senhoras esqueceram, ou não sabiam, que a sardinha é riquíssima em Ómega 3, uma gordura de grande qualidade, entre outros benefícios que essa gordura oferece, está a de nos dar um coração mais saudável e nos ajudar a prevenir doenças graves entre elas o cancro. Essa gordura também ajuda a manter um cérebro nutrido, ajudando a evitar doenças como a demência e o próprio Alzheimer.

O seu valor nutritivo é grande, contém muitas vitaminas tais como vitamina 12, vitamina D, vitamina B1, vitamina B9, Vitamina B5, tem uma quantidade significativa de manganês, proteínas de qualidade, fosforo, fazem controlo de açúcar no sangue, alto teor de cálcio, superior ao do leite, muitas mais vitaminas que são essenciais a um corpo saudável, e em tempo de pandemia ainda mais, ajudam a reduzir os níveis de inflamação no corpo. A própria DGS recomenda que se introduza na nossa alimentação as sardinhas devido ao alto teor em vitaminas ajuda a restabelecer os níveis no organismo.

Tudo isto já foi demonstrado por diversos estudos.

A sardinha não se faz só na brasa.

As sardinhas em lata são consumidas há muito tempo, desde o tempo de Napoleão, para que os homens na guerra pudessem comer peixe. Duram uma eternidade na despensa.

Prefira as sardinhas conservadas em azeite, são excelentes e contêm todas as vitaminas e nutrientes enunciados, e estão disponíveis a um preço muitíssimo acessível a todas as bolsas.

Boas para gestantes, devido à ausência de toxinas, ótimas para o desenvolvimento do feto.

As receitas culinárias que se podem fazer com sardinhas de conserva são infindáveis.

Vou dar algumas sugestões das que faço mais vezes…

Sardinhas Panadas, Arroz de Sardinha, Charuto de sardinha em couve lombarda, Torta de Sertã…

SARDINHAS PANADAS

burst

Grau de dificuldade     fácil

Custo   económico

Tempo preparação   10 minutos

Tempo cozedura   Alourar

Número de doses    4 +/-

Ingredientes

6 – Latas de Sardinha em azeite (+/-)
Pão ralado com ervas e alho

1 colher de (sopa) farinha de trigo 55

1 ovo inteiro

Óleo para fritar

Preparação

Abrir as latas de sardinha e escorrer o azeite, para um frasco (não o deite na Banca)

Coloca-las de lado.

Bater bem o ovo inteiro, misturado com uma pitadinha de sal e pimenta e uma colher de (chá) de azeite.

Misturar o pão ralado com a farinha de trigo.

Envolva a sardinha no ovo e depois no pão ralado e coloque no óleo quente a alourar.

Sirva com salada russa, com variedade de legumes: cenoura, feijão-verde, ervilha, courgette. Envolva com um pouco de pimenta, vinagre e maionese. Decore com azeitonas e alface e outras ervas a gosto.

ARROZ DE SARDINHAS

(*)

Ingredientes

6 – Latas de Sardinha (+/-) em azeite ou tomate, que também pode ser picante.

A quantidade de arroz carolino que é normal fazer na sua casa. (Coze em 15 minutos)

1 – cebola

½  alho francês

5 dentes de alho

Polpa de tomate ou tomate fresco

1 – Pimento

Sal e pimenta a gosto

Preparação

Aloure a cebola com os alhos e o alho francês, se gostar pode juntar um pouco de pimento. deixe alourar o preparado, junte o tomate, deixe ferver um pouco, já pode meter o arroz, quando estiver quase cozido ponha por cima as sardinhas e deixe acabar de cozinhar.  Está pronto, rápido e saboroso!

TORTA DE SARDINHA NA SERTÃ

(*)

Ingredientes

Para a massa:

140 gr. – de Farinha de trigo 55  ( 1Chávena )

180 ml – de Leite  (¾ Chávena)

60 ml – de Azeite  (? Chávena)

2 – Ovos inteiros

1 – colher de (chá) de fermento em pó

1 – colher de (café) de sal +/- ( a gosto)

Para o recheio:

1 – Lata de sardinha escorrida. (Se gostar pode levar 2)

1 –  Cenoura ralada

1 –  Cebola picada

½ – Alho francês picado
5 – (Dentes) alho picado

Algumas azeitonas verdes picadas.

1- raminho pequeno de salsa picada

Preparação

Prepare a massa batendo todos os ingredientes respetivos no liquidificador até obter uma mistura lisa.

Coloque a aquecer uma sertã com um pouco de azeite e deite os alhos a cenoura a alourar um pouco, 3 minutos, retire e junte ao recheio de sardinha com azeitona e a salsa picadas.

Na mesma sertã, untada de Azeite, despeje metade da massa. Acrescente o recheio de sardinha, preparado anteriormente, pressione ligeiramente com uma colher para ficar apertadinho e afundar ligeiramente a massa.

Cubra com a restante massa, tape e deixe ficar a cozer em calor baixo por 15 minutos ou até a massa de cima ficar consistente. Depois, com a ajuda da tampa ou de um prato, vire a torta na sertã ao contrário para dourar do outro lado também. Deixe por mais 10-15 minutos.

E temos a nossa torta de sardinha pronta! Fácil, barata e muito saborosa.

 

Dica: Se gostar polvilhe com salsa e coentros picadinhos!

 

Não esquecer nunca, de uma boa salada de verduras para acompanhar!

Sardinha boa, gordurosa e saborosa, só nos meses sem r. mas, dentro da latinha  é boa todo o ano!…

 

Bom Apetite!

 

Carmen Navarro

(texto e fotos)

 

 

(*)Fotos pesquisa Google e Bing

 

01ago20

 

Partilhe:

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.