Menu Fechar

Cegueira Psicológica

Aires Barros

Na sequência do que falamos anteriormente, sobre o processo de Luto, ficamos a saber que este processo é um processo que acarreta um turbilhão de sentimentos e atitudes. Uma das situações que pode acontecer, designa-se por Cegueira Psicológica.

Há décadas que se sabe que o corpo e a mente humana estão intimamente ligados, logo quando a pessoa vivência um trauma psicológico grave, podem existir mudanças percetíveis nos nervos que posteriormente afetam várias partes do corpo. São muitas as pessoas que manifestam este tipo de comportamento designado também por “cegueira histérica” em que o seu campo de visão torna-se limitado ou completamente ausente.

psico - jogo

É uma manifestação psicossomática, ou seja, surgem quando existem complicações mentais ou emocionais que são tão graves, que podem provocar reações físicas. Infelizmente o mecanismo de ação ainda não é conhecido na sua totalidade, mas as tecnologias medicas já são capazes de medir as mudanças no corpo que são produzidas pelas emoções graves.

Segundo especialistas, existem três tipos de complicações psicossomáticas. O primeiro refere-se ao envolvimento de questões mentais complicadas por doença física existente, o segundo tipo envolve perturbações mentais que aparecem por existência de uma doença física grave e finalmente o terceiro caracterizado como perturbação somatoforme, em que a perturbação mental é expressada através de alterações físicas no corpo que não possuem nenhuma causa orgânica. É nesta última categoria que inserimos a cegueira psicossomática.

psico - jogo 01

No passado, a teoria da conversão de problemas emocionais em sintomas físicos de Sigmund Freud, referenciou este estado como “cegueira histérica”. Nos primeiros tempos de avaliação psicológica, acreditava-se que esta condição era apenas uma simulação que os pacientes arranjavam para evitar lidar com os problemas.

Atualmente os investigadores sabem que o stress emocional causa efeitos a nível neuronal que posteriormente podem resultar em cegueira ou ainda outros problemas físicos. O médico ao deparar-se com esta situação, deve fazer exames exaustivos de forma a excluir qualquer causa orgânica, de forma a iniciar o tratamento psicológico.

Esta situação ainda é muito pouco falada e estudada, mas é de facto uma condição grave que pode levar a uma cegueira permanente. Para que isso não aconteça, todo o esforço é necessário para que o paciente consiga readquirir a visão.

psico - jogo 02

Quando acontece esta situação, um sentimento de frustração, tristeza e desanimo pela vida pode surgir na pessoa, então aqui estamos perante a uma situação duplamente grave, ou seja se a pessoa já esta traumatizada com algo que tenha acontecido de grave na vida dela, mais ela vai ficar com esta condição, porque o pensamento de que a visão pode não regressar estará sempre presente na cabeça do paciente. Pessoas normalmente acabam por querer se isolar de tudo e de todos e não aceitam qualquer tipo de ajuda. Para esta situação, a maior ajuda é a do próprio paciente. Ainda não foi investigado o suficiente, mas de acordo com a pesquisa efetuada, em alguns casos particulares, a cegueira psicológica pode levar ao suicídio se a pessoa não for devidamente acompanhada.

psico - jogo 03

Tratamento

Sessões com um profissional qualificado são usadas como forma de tratamento de perturbações de conversão, na medida em que este pode envolver causas como ansiedade, depressão ou qualquer outro tipo de problemas de saúde mental.

Deve-se trabalhar o paciente através de questões que ajudam o paciente a aceitar a sua experiencia traumática e lidar com os pós-traumáticos problemas emocionais.

Relativamente ao tratamento psiquiátrico, estes podem ser por meio de fármacos anti depressivos, anti psicóticos que servem para tratar as perturbações psicossomáticas incluindo a cegueira psicológica. Estes fármacos tem como finalidade reduzir os sintomas emocionais para facilitar uma maior resolução do problema.

Outra forma de tratamento é a Hipnose, na medida em que este pode ajudar as pessoas a revisitar o trauma inicial em um ambiente neutro, controlado e seguro de forma a restabelecer o controlo sobre as perceções ocorridas na situação.

Em resumo, a cegueira psicológica pode ser resolvida com um bom diagnóstico e tratamento adequado. Atualmente, os investigadores continuam a trabalhar na compreensão dos problemas intrigantes no que diz respeito às doenças de conversão.

psico - jogo 04

psico - jogo 05

Outro fator importante, é o acompanhamento familiar e dos amigos. É muito importante que o paciente esteja rodeado de pessoas que querem o melhor para ele e que o ajudem a manter esperança onde ela por vezes pode não existir. Não devemos alterar em nada a relação com o paciente, ou seja, se antes saia com ele, se ia a casa passar algum tempo, continue a fazê-lo, só que desta vez com certas precauções mas sempre com a ideia de que queremos sempre o melhor para o nosso ente querido ou amigo.

Em muitas situações de crise graves, quer físicas, quer psicológicas, a motivação, a força de vontade, parte da força familiar, de um amigo que não desanima e que acredita piamente na recuperação do paciente.

Fotos: Pesquisa Google

01mai15

 

Partilhe:

3 Comments

  1. HENRIQUE

    Eu perdi parte da visão do olho direito, fiz vários exames e até então não se tem uma explicação científica para o caso. Eu sinto um bloqueio que me impede de enxergar e sentir as coisas ao meu redor.

  2. Terapia EFT

    Bom dia Freddie,

    Sim a ansiedade é resultado de algo que vivenciou e que é uma questão emocional. Muitas vezes quem tem o sindrome de Pânico relacionado com algo e que faz terapia convencional, obtém um resultado de melhora mas não de resolução total do problema, restanto a ansiedade. O que com o decorrer do tempo faz com que ocorram mais ataques de ansiedade. Há abordagens que “limpam” todo o pânico e a ansiedade, fazendo com que não voltem a acontecer. O EFT é uma dessas abordagens. e funciona muito bem, resolvendo a questão emocional ligada à ansiedade definitivamente. Experimente!

  3. Freddie

    Sofri de Sindrome do panico e com terapia me curei, porém fiquei c ansiedade, mas sei lidar com ela e conviver. Porém tive uma crise semana passada e c ela estou a uma semana com tonturas, verifiquei pressão e glicemia e deram normais, depois farei exames. Então, ao ler isso pensei que isso pode ser resultado da ansiedade. Mas ai pensei, se a cegueira pode ser psicologica assim como oq tenho, e se eu começar a temer e ter ansiedade nao querendo ter isso (que foi oq houve) eu posso desenvolver? Ou pessoas assim só desenvolvem em casos especificos de quererem fugir da dor e nao enfrenta-la? Me ajudem, preciso de um conforto em relação a isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.