Menu Fechar

Pela ESTÁTUA de homenagem às CARQUEJEIRAS do Porto: Associação não desiste e continua a lutar pelo projeto!

Era sábado e o sol de Outono ainda aquecia o dia que foi escolhido pela Associação Homenagem às Carquejeiras do Porto, destinado a realizar mais uma atividade de angariação de fundos para a concretização do seu projeto: erguer uma estátua às mulheres carquejeiras, aquelas que, ao longo de décadas subiram, esforçadamente, a íngreme calçada com pesados molhos de carqueja, descarregada nos cais do rio Douro, para depois a distribuírem pela cidade.

carquejeiras-00-16

Descendo a íngreme rampa das Carquejeiras
Descendo a íngreme rampa das Carquejeiras

Foi nesse dia, 1 de Outubro de 2016, que se juntaram no cimo da Calçada das Carquejeiras cerca de uma centena de pessoas, todas com o propósito de descerem a rampa e avaliarem o quanto seria penoso o trabalho destas frágeis mulheres, subindo e descendo carregadas, várias vezes por dia, através de um caminho em declive muito acentuado.

José Manuel Carvalho (esq.) e Manuel Pizarro
José Manuel Carvalho (esq.) e Manuel Pizarro
Rancho Folclórico do Porto... na caminhada
Rancho Folclórico do Porto… na caminhada

As pessoas que se reuniram, no cimo da calçada, ouviram as palavras da presidente da Associação Homenagem às Carquejeiras, Arminda Santos que, no seu texto, se referiu ao objetivo fulcral desta associação e da profunda vontade de o concretizar, contando também com a ajuda de muitos cidadãos recetivos às intenções deste movimento cívico e atentos a uma necessidade de corrigir o erro de um passado em que mulheres, vivendo numa condição de extrema pobreza, eram exploradas num trabalho desumano que nem aos animais era consentido fazerem.

Manuel Pizarro e Arminda Santos
Manuel Pizarro e Arminda Santos
Germano Silva
Germano Silva

Os participantes desta iniciativa cultural desceram a rampa, olhando o rio e as suas margens, sentido a dureza do caminho, mas sempre acompanhados pelo Rancho Folclórico do Porto que foi atuando, várias vezes, ao longo do percurso, orientado pelo jornalista Germano Silva que foi referindo os aspetos mais emblemáticos de cada local por onde passavam.

carquejeiras-06-16

A Associação Homenagem às Carquejeiras do Porto regozija-se com a presença de todos os participantes nesta atividade e destaca o facto de a Câmara Municipal do Porto ter estado representada pelo Dr. Manuel Pizarro e a Junta de Freguesia do Bonfim pelo seu presidente, o senhor José Manuel Carvalho.

Texto: Maximina Mª Girão C. Ribeiro (*)

Fotos: Pedro N Silva

(*) Como vice- presidente da Associação Homenagem às Carquejeiras do Porto

01out16

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.