Menu Fechar

PROCISSÕES QUARESMAIS EM OVAR NUMA MOSTRA EM MINIATURA

O calendário da Quaresma mais uma vez foi marcado pela intensa chuva que acabou por inviabilizar alguns dos momentos altos de cerimónia das tradicionais procissões quaresmais, que se realizam há vários séculos no concelho de Ovar em que se destaca um valioso património religioso de reconhecida qualidade artística e valor cultural, que exige ser preservado, o que obrigou à suspensão da Procissão dos Passos (11 de março), tal como aconteceu no ano anterior.

???????????????????????????????

Mas, este ano, a tradição das procissões teve a particularidade de contar com a exposição de uma recreação da Procissão dos Terceiros e seus 14 andores, construída em miniaturas com movimento, que surpreenderam os visitantes, em muitos casos, que não tiveram oportunidade de assistir ao vivo a tais momentos do Ciclo Pascal na cidade de Ovar.

Opini_José_Lopes

José Lopes

(texto e fotos)

Ainda que melhor tempo, depois da chuva que refrescou a folia, tenha tido a Procissão das Cinzas ou dos Terceiros (25 de fevereiro), que saiu à rua, através da organização da Ordem Terceiros de Ovar, com os imponentes e característicos 14 andores representando as imagens dos santos franciscanos, percorrendo as Capelas dos Passos que se abrem, cada vez mais só nestas cerimónias que assinalam e celebram as vivências da Paixão de Cristo. O artesão autodidata, José Costa, proporcionou nesta época de Quaresma, numa casa comercial na Rua Dr. Manuel Arala, uma das suas obras de recreação de tradições da sua terra, através de uma mostra da Procissão dos Terceiros, que nos últimos anos tem dado forma, fazendo crescer a área de movimento das miniaturas com novos elementos de recriação da paisagem urbanística do centro da cidade.

???????????????????????????????

???????????????????????????????

Esta obra de José Costa, que trás à memória coletiva um trabalho também dedicado às Procissões Quaresmais produzido pelo seu pai “Costinha”. Teve como ponto de partida o restauro das próprias peças de miniaturas do seu pai, que ao longo das décadas 50 a 80 realizou este tipo de trabalho artístico. Uma vivência familiar que José Costa acabou por assumir em mãos a sua continuidade, lançando-se para novos e diferentes projetos e desafios de várias tradições locais.

???????????????????????????????

???????????????????????????????

Neste caso da Procissão dos Terceiros e tendo como referencia o edifício da Câmara Municipal de Ovar e da Capela de Santo António, bem como a reprodução da requalificação da Praça da República e o conjunto do património arquitetónico envolvente. A área para o percurso da Procissão em miniatura com os vários elementos religiosos, a que o artesão se propõe ainda vir a aumentar o número de participantes, foi alargada com uma réplica do Largo da Família Soares Pinto e o “ex-libris” de Ovar, o Chafariz do Neptuno.

O trabalho minucioso de José Costa teve o convite de Alexandre Rosas, vereador da cultura do Município de Ovar para integrar a mostra sobre Ovar que esteve recentemente em exposição na BTL2018 (Lisboa), certame de promoção turística, onde a recriação da Procissão dos Terceiros, como um património religioso secular em terras de Ovar, foi também alvo de muita curiosidade dos visitantes.

???????????????????????????????

???????????????????????????????

Para quem não teve o privilégio de ver a Procissão mais representativa do vasto e rico património religioso como é a dos Terceiros, a mostra em miniatura foi um feliz momento de sensibilização para não perder uma próxima oportunidade de assistir ao vivo a este primeiro acontecimento do calendário das procissões quaresmais em Ovar, que conta ainda com a Procissão Terro-Terro (29 de março), Via Sacra e a Procissão do Enterro do Senhor (30 de março) que tem como cenário para tal celebração, a Capela do Calvário e sua escadaria no Largo dos Combatentes, de onde sai e regressa esta Procissão de intensa solenidade, organizada pela Irmandade dos Passos, composto de dois andores, esquife com Cristo Morto e Nossa Senhora da Soledade, transportados para representar o doloroso percurso da Paixão de Cristo.

01abr18

 

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.