Menu Fechar

Altura de mudar o “mindset” profissional

Patrícia Moreira

 

De acordo com investigações científicas nós criamos a nossa vida de acordo com os pensamentos que alimentamos constantemente. Peço que faça uma reflexão acerca desses pensamentos que tem sobre o seu trabalho ou o trabalho em geral.

Pensamentos acerca do trabalho:

  1. Não gosto do meu emprego, mas serve para pagar as contas
  2. Quando trabalho estou sempre cansado
  3. Ninguém dá-me o valor que mereço
  4. Não consigo tomar decisões
  5. Não vejo futuro no trabalho que faço
  6. Não posso confiar em colegas
  7. Nunca tive coragem para pedir um aumento
  8. Trabalho sempre mais que os outros
  9. Tenho muitas ideias, mas não sei por onde começar
  10. O meu patrão não reconhece o meu esforço
  11. Nunca me pagam o que mereço
  12. Nunca serei bem-sucedido
  13. Sinto que não evoluo

Se você concorda com 5 ou mais destas afirmações, significa que a sua insatisfação face ao emprego está presente na sua vida. Mesmo que as condições externas não sejam atualmente vantajosas para si, pode escolher pensar e sentir de maneira diferente.

Se pretende mudar os resultados da sua vida profissional tem de desenvolver a metacognição ou seja a capacidade de “pensar sobre os seus pensamentos”, tornando-se consciente da sua própria consciência e deixar de funcionar “em piloto automático. A metacognição é uma função do córtex pré-frontal e compreende todos os nossos mecanismos de monitorização da memória e autorregulação, que são qualidades fundamentais para orientarmos os nossos pensamentos, potencializarmos a nossa consciência e a nossa habilidade para aprendermos e mudarmos.

Esses novos pensamentos e sentimentos irão modificar o seu estado psíquico e físico e você ligar-se-á naturalmente às inúmeras possibilidades de trabalho que existem ao seu redor. Talvez seja mesmo esta a altura de mudar o seu “mindset” profissional. Permita-se mudar e tenha coragem de pedir ajuda profissional.

 

Foto: pesquisa Google

01mai20

 

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.