Menu Fechar

Por iniciativa do PAN: Câmara Municipal vai ouvir as pessoas do Porto relativamente ao destino dos terrenos da antiga Estação Ferroviária Porto-Boavista

Foi aprovada, no passado dia 26 de abril ,a proposta do PAN – Pessoas-Animais-Natureza, na Assembleia Municipal do Porto, para que a Câmara Municipal do Porto promova a discussão pública sobre o destino dos terrenos adjacentes à antiga estação ferroviária Porto-Boavista, nomeadamente a construção do El Corte Inglês e a preservação das infraestruturas da antiga estação, ouvindo desta forma quem vai ser diretamente afetado pelo projeto previsto para o local, as pessoas do Porto. A recomendação colheu apenas os votos contra do Grupo Municipal “Rui Moreira: Porto, o nosso partido”.

APROVADA INICIATIVA DO PAN PARA TRAVAR PERDA DE BIODIVERSIDADES E PELA PROMOÇÃO DE INSETOS POLINIZADORES

Foi também aprovada, em Assembleia Municipal, a proposta do PAN para que o executivo municipal do Porto garanta a implementação de uma estratégia integrada local para a conservação e proteção dos insetos polinizadores, assim como políticas de promoção da biodiversidade e das infraestruturas verdes urbanas. Votos contra do Grupo Municipal Rui Moreira: Porto o nosso partido e abstenções da CDU.

São vários os estudos que têm vindo a alertar para a crescente perda de biodiversidade, apontando como um dos principais impactos do desaparecimento destes polinizadores a perda de polinização de alimentos.

“O compromisso com políticas para travar a perda de biodiversidade e o desaparecimento desses insetos devem motivar também os decisores políticos locais. Em vários países da europa vemos já iniciativas a nível local para a promoção da biodiversidade e proteção da população de polinizadores, inclusive com o desenvolvimento de estratégias específicas para os espaços verdes nas cidades que, além de todos os benefícios que já lhe conhecemos, são essenciais para garantir abrigo, nidificação e alimentação aos insetos polinizadores. São necessárias mais políticas promotoras de literacia ambiental”, explicou Bebiana Cunha, deputada municipal e à Assembleia da República.

Assim, com esta proposta, o PAN insta a Câmara Municipal do Porto a inserir estas preocupações no PDM – Plano Diretor Municipal que está a ultimar, garantindo a implementação de uma estratégia integrada local para a conservação e proteção dos insetos polinizadores, no âmbito das políticas de promoção da biodiversidade e das infraestruturas verdes urbanas, nomeadamente através da:

-promoção e melhoria de habitats com o cultivo de espécies de flores e plantas autóctones atrativas para os insetos polinizadores;

-criação de uma rede de corredores ecológicos para abelhas no município;

-implementação de medidas de educação ambiental/promoção da literacia ambiental: elaboração de uma campanha de sensibilização para a importância dos insetos polinizadores na biodiversidade e no futuro do planeta, e como os proteger,  envolvendo as juntas de freguesia, escolas e comunidades locais, empresas, associações e pessoas singulares, de modo a potenciar a difusão das mensagens.

 

26abr21

PAN

 

01mai21

 

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.