Menu Fechar

“Rota do Românico” participa em projeto do “Turismo de Portugal”

O Turismo de Portugal tem promovido um conjunto de sessões de trabalho entre várias dezenas de agências de viagens, operadores turísticos e as denominadas Redes Colaborativas.

Neste lote das Redes Colaborativas, que têm desempenhado um papel fundamental na promoção da atividade turística nos territórios de baixa densidade do País, está incluída a Rota do Românico e mais dez projetos: as Aldeias de Montanha, as Aldeias do Xisto, as Aldeias Históricas de Portugal, o GeoPark Naturtejo, as Heranças do Alentejo, a Lugares da Serra Alentejana, as Montanhas Mágicas, a Rota da Terra Fria Transmontana, a Rota Vicentina e a Termas do Centro.

Ponte do Arco, Marco de Canaveses

O objetivo destas sessões é promover o conhecimento entre estes atores turísticos, nomeadamente pela apresentação do trabalho de estruturação da oferta turística que tem sido desenvolvido nos últimos anos.

A Rota do Românico reúne, atualmente, 58 monumentos e dois centros de interpretação, distribuídos por 12 municípios dos vales do Sousa, Douro e Tâmega (Amarante, Baião, Castelo de Paiva, Celorico de Basto, Cinfães, Felgueiras, Lousada, Marco de Canaveses, Paços de Ferreira, Paredes, Penafiel e Resende), no Norte de Portugal. As principais áreas de intervenção da Rota do Românico abrangem a investigação científica, a conservação do património, a dinamização cultural, a educação patrimonial e a promoção turística.

 

Texto e fotos: Rota do Românico

Foto de destaque: Mosteiro de Pombeiro, em Felgueiras

 

01mai21

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.