Menu Fechar

Cidade em modos mais suaves: chegaram mais trotinetes e vêm aí as bicicletas partilhadas

Circula-se cada vez mais verde e em modo mais suave pela cidade. Mais sete centenas de novas trotinetes estão disponíveis para serviço de partilha e em breve a opção dos portuenses pode também passar pelo uso das bicicletas.

As 700 novas trotinetes movem-se a energia elétrica e são uma aposta da BOLT, a plataforma líder de mobilidade europeia que assume “a segurança e o bem-estar dos utilizadores” como “primordial importância”, e que começou a operação no Porto no último fim de semana de julho.

A empresa garante que os veículos “estão equipados com uma série de funcionalidades inovadoras, como, por exemplo, um teste de reação cognitiva capaz de avaliar se o utilizador consumiu bebidas alcoólicas, e um sistema inteligente de verificação de estacionamento apropriado”.

Além da BOLT, já circulam também no Porto as 900 trotinetes zero emissões da BIRD e as 700 geridas pela CIRC, que em breve vai disponibilizar bicicletas elétricas.

Face ao crescimento da utilização do sistema de partilha de modos suaves, durante o mês de agosto serão reforçados os pontos de partilha nas zonas com maior procura deste tipo de transporte, com acréscimo de capacidade total superior a 140 veículos.

A aposta em modos suaves de deslocação integra a estratégia do Município do Porto para atingir a neutralidade carbónica até 2030, que vem ganhando expressão com a associação de diversas instituições ao Pacto do Porto para o Clima.

Para viabilizar esta visão e promover o equilíbrio entre a utilização dos modos de transporte suave e ocupação no espaço público e ainda clarificar as regras de utilização deste tipo de veículos na cidade, foi criado um regulamento específico, no que constituiu uma medida pioneira a nível nacional.

 

Texto: Porto. / Etc. e Tal

Foto: Guilherme Costa Oliveira (Porto.)

 

 

04ago22

 

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.