Menu Fechar

Há uma nova marina na Póvoa de Varzim

Formalmente designada como Polo Norte do Núcleo de Embarcações de Recreio da Póvoa Varzim, a recentemente inaugurada marina dá uma nova cara a uma zona previamente abandonada e promete dinamizar o turismo e a pesca na cidade.

 

Já está operacional aquela que será conhecida como a Marina Norte da Póvoa de Varzim, um investimento que custou cerca de 4 milhões de euros aos cofres da autarquia e que tem capacidade para receber uma centena e meia de pequenas embarcações. A cerimónia de inauguração ocorreu no passado dia um de maio e contou com a presença do Ministro do Mar, Ricardo Serrão Santos, a Secretária de Estado das Pescas, Teresa Coelho, o presidente da Câmara da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, o presidente do Clube Naval Povoense, Paulo Neves, bem como algumas dezenas de pessoas interessadas.

Este empreendimento é mais um passo em frente no sentido de revitalizar o turismo e a pesca, dois pilares que são essenciais para a cidade. Recorde-se que nos últimos anos já havia sido efetuado um investimento total de mais de 11 milhões de euros por parte da autarquia na zona portuária da cidade. No seu discurso, Aires Pereira referiu que, com os esforços recentes, o porto da Póvoa de Varzim pode funcionar como alternativa ao Porto de Leixões, já que possui uma grande capacidade e é excelente para a pesca e atividades marítimo-turísticas. Foi durante essa cerimónia de abertura que se assinou um contrato que prevê que o Clube Naval Povoense fique como responsável pela gestão do Núcleo de Estacionamento de Embarcações de Recreio.

A Câmara Municipal da Póvoa de Varzim partilhou um vídeo da inauguração da marina onde a obra pode ser vista em todo o seu esplendor. O vídeo inclui ainda uma mensagem do presidente da Câmara.

 

Uma marina com vista para o futuro

A nova marina está localizada mesmo em frente ao Casino, acabando por tornar este local turístico ainda mais apelativo. Isto é particularmente importante numa altura em que os casinos online começam a ganhar popularidade e a conquistar cada vez mais jogadores, impondo-se como forte concorrência a estes icónicos espaços físicos. De referir que o casino é um dos edifícios mais emblemáticos da cidade, que atrai consumidores das regiões adjacentes e que também aloja vários espetáculos de grande interesse cultural como o Prémio Literário Casino da Póvoa. Justamente por isso o estabelecimento tem um peso bastante grande para a economia da zona.

Esta localização de excelência vai também permitir aos visitantes que atracam na Marina Norte conseguirem rapidamente deslocar-se para outros pontos de interesse da cidade, como o cinema, o teatro, e os diversos restaurantes poveiros conceituados. Trata-se de uma obra absolutamente estratégica para as ambições futuras do turismo da Póvoa de Varzim e que tem a capacidade de gerar e alimentar mais negócios, como fez questão de sublinhar o ministro Ricardo Santos no decorrer da sua intervenção.

Depois do presidente da Câmara frisar a necessidade de mover fundos nacionais e europeus para resolver os problemas de assoreamento, o ministro fez questão de referir que está já previsto a alocação de cerca de 5 milhões de euros para as dragagens do Norte, sendo que mais de um quinto desse valor tem já definido como destino o porto da Póvoa de Varzim.

Houve também uma grande preocupação relativamente à sustentabilidade e acessibilidade durante a fase de conceção e desenvolvimento do projeto. Esta preocupação materializou-se na compra de seis velas adaptadas, que vão permitir que as pessoas com mobilidade reduzida ou até mesmo com deficiências motoras possam praticar este desporto náutico, bem como na compra de uma pequena embarcação movida a energia solar, designada para transportar pessoas entre a Marina Norte e a Marina Sul. Estes investimentos adicionais foram feitos através de uma parceria com o Clube Naval Povoense, ao abrigo do programa “Mar Para Todos”, e vão certamente contribuir para tornar a marina ainda mais especial.

Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.